Brasil Game Show 2017

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas e texto

Pela primeiríssima vez estive na Brasil Game Show, que aconteceu entre os dias 11 e 15 de Outubro em São Paulo, e foi uma experiência completamente nova para mim. Já falei aqui no Unicórnio Espacial que não sou muito ligada nos video games, esse seria meu namorado (que me acompanhou na Quinta, Sexta e Sábado e tirou algumas das fotos), mas abracei completamente a ideia de estar cercada de jogos e joguei vários deles, principalmente indies, mas para eles terá um post exclusivo que vai ao ar em breve. Agora, vamos falar da feira em geral!

IMG_20171023_131849

Por estarmos de imprensa (isso é uma coisa que ainda me deixa muito feliz haha) conseguimos ficar bem pertinho do Hideo Kojima, escritor, diretor, produtor e design de diversos jogos muitos conhecidos, que respondeu algumas perguntas feitas por fãs nas redes sociais da BGS. Uma pena ter sido tudo tão rápido, durou cerca de vinte minutos!

De pessoas conhecidas, talvez não tanto quanto o próprio Kojima, mas ainda assim conhecidos, encontrei o casal Leon e Nilce, do canal Coisa de Nerd e Cadê a Chave, Damiani, do Canal Damianizando, Rato Borrachudo, do canal de mesmo nome, Caio Castro (ele apenas passou do meu lado cercado de seguranças, também não entendi o que estava fazendo ali), Tiago Leifert, apresentador do programa Zero1 da Globo e o brTT, jogador profissional de League Of Legends.

IMG_20171023_130901

Por falar em jogadores profissionais de E-Sports, muitos times brasileiros estiveram presentes na feira, como foi o caso da Pain Gaming, RED Canids, Keyd, e seus jogadores participaram de sessões de fotos e bate-papo com os fãs. Além dos jogadores e dos times de E-Sports, em diversos stands era possível jogar League of LegendsCounter-Strike Overwatch, este último sei que estava disponível para jogar no stand da Razer, empresa especializada em produtos, como por exemplo mouses, teclados e head sets, para jogadores.

Mas a feira, é claro, que não era só de E-Sports, e empresas como a Ubisoft, PlayStation, Xbox e WB Games estiveram lá com stands gigantes. No stand da PlayStation, por exemplo, era possível testar os óculos de realidade virtual e na WB Games convidavam a plateia a jogar Injustice e, quem ganhava, recebia prêmios, um deles sendo um pôster autografado pelo próprio criador do jogo.

IMG_20171023_130737
Euzinha jogando Super Lucky’s Tale

Como era de se esperar, haviam muitos, mas MUITOS mesmo, jogos disponíveis para testar, alguns por cinco minutos, como foi o caso de Super Lucky’s Tale, outros por quanto tempo quisesse, como foi o caso de Lego Marvel Super Heroes 2, estes sendo dois jogos que joguei e gostei muito. Já joguei alguns dos jogos da Lego, por exemplo a trilogia original de Star Wars e um do Batman e acho bem divertido, ainda mais jogando com outra pessoa. Super Lucky’s Tale não sabia sobre o que era e falando sério ainda não sei, já que joguei por pouquíssimo tempo, mas achei o visual bonito e bem colorido (sim, sou tipo uma criança, adoro jogos com bastante cores *dar de ombros*).

IMG_20171023_131339
Computadores para jogar Black Desert

Meu namorado jogou Black Desert, um RPG online, na BGS e ganhou alguns passes para poder jogar em casa e usando o código, caso chegue no nível 30 em duas semanas, o jogo é da pessoa, ao menos é isso que estava escrito no papel. Ainda não tenho certeza porque estou apenas no nível 17, já que estou tendo que usar emprestado o notebook do meu pai, afinal o meu é bem velhinho, tem dez anos e não aguentou o jogo, quase pude ouvir ele chorando de desespero. O que posso dizer por enquanto, chegando até onde cheguei no jogo, é que é muito legal, estou apaixonada e minha personagem é linda! É meu primeiro RPG, então não tenho com o que comparar, mas estou achando muito divertido.

IMG_20171023_131938

Como não poderia faltar, haviam muitas lojas! A Piticas esteve presente e estou muito triste porque quando fui comprar, no Sábado, uma camisa muito bonita da D.Va, personagem de Overwatch, já tinha se esgotado! 😦

Havia também a Lojas Americanas vendendo alguns chocolates e salgadinhos, além de jogos (alguns com descontos) e vendendo o PlayStation 4 e Xbox. A Saraiva além de jogos, estava vendendo alguns livros baseados em vídeo games, alguns quadrinhos, figures, além de produtos normais de uma livraria Saraiva. A Razer, empresa que falei no início do post, estava vendendo seus produtos, assim como a Dazz, empresa também especializada no público gamer. Além dessas lojas grandes, haviam lojinhas vendendo camisetas, toucas e alguns colecionáveis e em uma delas aumentei minha coleção de De Volta para o Futuro, comprando uma das DeLoreans da Hot Wheels que eu não tinha!!!!

IMG_20171023_131000

Como devem ter percebido, minha primeira experiência na Brasil Game Show foi muito boa. Me diverti bastante, conheci diversos jogos que nunca havia ouvido falar e que agora quero muito jogar, comi muito Cup Noodles, por ser a opção mais gostosa e mais barata, encontrei diversas pessoas que conhecia apenas pela internet, tirei foto de muitos cosplayers maravilhosos (as fotos já estão disponíveis na página do Facebook do Unicórnio Espacial) e se der tudo certo, ano que vem estarei de volta!

Até logo o/

Instagram ♥ Filmow ♥ MyAnimeList

20171013_163445
Uma selfie com o vocalista da Supercombo, que por acaso encontramos lá 😀

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s