Resenha | Simon Vs. A Agenda Homo Sapiens – Becky Albertalli

Simon

Imagine uma história que contém homossexualidade, bissexualidade, feminismo, questões raciais e personagens apaixonados por animes. Não sei quanto a vocês, mas esse é totalmente o meu tipo de história e talvez exatamente por esse motivo, e também por esses temas serem tratados muitas vezes da maneira errada, estava com um pé atrás. Felizmente Becky Albertalli não me decepcionou, muito pelo contrário, escreveu uma das histórias de amor, seja amor romântico, familiar, de amizade, mais bonitas que já li e surpreendentemente real!

☆Sinopse Oficial☆

Simon tem dezesseis anos e é gay, mas ninguém sabe. Sair ou não do armário é um drama que ele prefere deixar para depois. Tudo muda quando Martin, o bobão da escola, descobre uma troca de e-mails entre Simon e um garoto misterioso que se identifica como Blue e que a cada dia faz o coração de Simon bater mais forte.
Martin começa a chantageá-lo, e, se Simon não ceder, seu segredo cairá na boca de todos. Pior: sua relação com Blue poderá chegar ao fim, antes mesmo de começar.
Agora, o adolescente avesso a mudanças precisará encontrar uma forma de sair de sua zona de conforto e dar uma chance à felicidade ao lado do menino mais confuso e encantador que ele já conheceu.
Uma história que trata com naturalidade e bom humor de questões delicadas, explorando a difícil tarefa que é amadurecer e as mudanças e os dilemas pelos quais todos nós, adolescentes ou não, precisamos enfrentar para nos encontrarmos.

☆☆☆

Há um tempo atrás, eu e uma amiga estávamos discutindo a respeito de representatividade, tanto a parte boa, de se ver em um personagem, sentir que pode lutar contra centenas de homens, como foi o nosso caso com Mulher Maravilha e, mais recentemente, uma representação tão forte para os negros em Pantera Negra, assim como a parte ruim de estereotipar ou colocar o personagem ali com potencial, mas “esquecendo” de aprofundar sua história ou mesmo focar tanto no personagem esquecendo do desenvolvimento do enredo ou usar como bait, como é o caso do queerbait (se você não sabe o que é queerbait, o site Séries Por Elas escreveu sobre e vocês podem ler clicando aqui). Como disse lá em cima, iniciei a leitura com um pé atrás, afinal não seria a primeira vez que esses tipos de personagens, negros, gays, bissexuais, feministas e otakus, seriam usados para comédia, mas… não! Os personagens, todos, sem exceções, têm seu espaço e são respeitados pela autora, não sendo usados como piada, mas para apresentar diferentes tipos de seres humanos, com inseguranças, desejos e preconceitos. A autora, porém, não parou por aí: abordou muitas questões que envolvem o dia a dia desses personagens, uma delas que achei bem interessante é de lésbicas serem mais bem “aceitas”, pelo menos na cultura ocidental, por serem fetichizadas e também da segregação para com os negros na cidade em que Simon, protagonista desta história, vive. Nenhum desses assuntos ficaram “forçados”, mas sim foram colocados no momento certo, da maneira certa.

Claro que Simon sendo o protagonista e seu principal conflito sendo sobre ser gay não assumido, esse foi o principal assunto abordado no livro, homossexualidade. E ao mesmo tempo que mostrou o preconceito seja na escola quanto na própria casa, este último com “piadas” feitas por seu pai, foi apresentado num tom suave porque esse não era seu foco e foi uma decisão da autora que me agradou, afinal já temos muitas histórias tanto fictícias quanto reais onde amores entre pessoas de um mesmo gênero terminam em desgraça, o que tornou Simon Vs A Agenda Homo Sapiens o primeiro romance adolescente que li onde ao invés de um garoto e uma garota, são dois garotos que se amam, mas algumas coisas bobas de cotidiano e de seu interior atrapalham este relacionamento. Um detalhe que não quero deixar de comentar é que ao contrário do que vemos em muitas histórias orientais sobre garotos se amando, o relacionamento entre Simon e Blue é muito respeitoso, nadinha abusivo!

Foi uma leitura completamente agradável para mim, como podem ter percebido. A leitura fluiu e terminei em quatro horinhas. Claro que a nota não poderia ser diferente, 5/5 estrelas! E aliás, Simon Vs A Agenda Homo Sapiens ganhou uma adaptação para os cinemas e estreia em Março deste ano, não vejo a hora de poder assistir! Abaixo podem conferir o trailer do filme:

Se tiverem outros livros neste mesmo estilo para me recomendar, fiquem a vontade! 😉

Até logo o/

Instagram ♥ Filmow ♥ MyAnimeList

Resultado de imagem para gif simon vs homo sapiens agenda

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s